Inscrições PROUNI 2019

O Ministério da Educação (MEC) alterou o período de inscrições do Programa Universidade Para Todos (ProUni), edição 2019. A alteração ocorreu em função da lentidão apresentada no site do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) durante o período de inscrições. Como o site estava lento, o prazo teve que ser prorrogado para não prejudicar os estudantes.

Inscrições ProUni 2019

As inscrições do ProUni 2019 serão realizadas de 0h do dia 31 de janeiro até as 23h59 do dia 3 de fevereiro

As inscrições do ProUni 2019 serão realizadas de 0h do dia 31 de janeiro até as 23h59 do dia 3 de fevereiro, pelo horário oficial de Brasília. Os resultados dos candidatos pré-selecionados em primeira chamada estarão disponíveis na página do programa a partir do dia 6 de fevereiro. Já a lista com os nomes dos selecionados em segunda chamada será divulgada no dia 20 de fevereiro.

Os candidatos pré-selecionados no ProUni 2019 em primeira chamada deverão comparecer à instituição de ensino superior escolhida no período de 6 a 14 de fevereiro para entrega de documentação que comprove as informações prestadas. O prazo para quem for pré-selecionado em segunda chamada vai de 20 a 27 de fevereiro.

Cronograma 2019

Houve alterações também no cronograma do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) e do Programa de Financiamento Estudantil (P-Fies).

Sisu 2019

O Sisu 2019 teve as inscrições encerradas no domingo, dia 27 de janeiro, passou por mudança na data da lista de espera. O novo período para que os candidatos manifestem o interesse em participar da lista de espera do Sisu 2019 é de 0h de terça-feira (29) às 23h59 do dia 5 de fevereiro, observando o horário oficial de Brasília. A partir desta edição, os candidatos que foram selecionados em qualquer das opções de curso na chamada regular não poderão mais participar da lista de espera.

Fies 2019

As inscrições para o Fies 2019 também tiveram o período alterado. De acordo com o novo cronograma, o candidato deve se inscrever entre 0h do dia 7 de fevereiro e 23h59 do dia 14 de fevereiro. O resultado da pré-seleção para as modalidades Fies e P-Fies será divulgado no dia 25 de fevereiro.

Os candidatos pré-selecionados na modalidade Fies deverão complementar e concluir sua inscrição no sistema FiesSeleção no período de 26 de fevereiro a 7 de março. A convocação dos candidatos participantes da lista de espera ocorrerá de 27 de fevereiro a 10 de abril.

Os estudantes que tiveram a inscrição do primeiro e segundo semestres de 2018 postergadas deverão concluir a inscrição no sistema FiesSeleção entre zero hora de 28 de fevereiro e 23h59 de 11 de março, observando o horário oficial de Brasília

As inscrições para vagas remanescentes do Prouni 2018-2 estão abertas

As inscrições para as bolsas remanescentes do Programa Universidade para Todos (ProUni) referentes ao segundo semestre de 2018; poderão ser feitas a partir de hoje, 20 de agosto.

O prazo varia de acordo com a situação do estudante. Serão oferecidas 106. 252 bolsas, distribuídas entre parciais e integrais.

Cursos mais procurados no Prouni

Veja a média das notas de corte para o Prouni

Prazos para Inscrições

Os alunos matriculados nas instituições de educação superior deverão se inscrever até 28 de setembro. Os  estudantes não matriculados, terão o prazo até 24 de agosto.

Inscrições

Conforme edital do Prouni Vagas Remanescentes 2018-2; as inscrições deverão ser realizadas apenas pela página do ProUni http://prouniportal.mec.gov.br/.

Vagas oferecidas

Das 106.252 bolsas; 18.070 são de bolsas integrais e 88.182 de bolsas parciais de 50%.

O benefício poderá ser utilizado em cursos de graduação de instituições privadas de educação superior.

Modalidades de Bolsas

As bolsas integrais se destinam aos estudantes com renda per capita de até 1,5 salário mínimo. As bolsas parciais contemplam os candidatos que têm renda familiar per capita de até três salários mínimos.

Quem poderá concorrer?

Poderão concorrer às bolsas do ProUni brasileiros sem diploma de curso superior; e que tenham participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2010, com nota superior a 450 pontos e sem ter zerado a prova de redação.

Requisitos

É necessário, ainda, que o candidato atenda a pelo menos um dos requisitos a seguir:

-Ter cursado o ensino médio completo em escola pública ou em instituição privada como bolsista integral;

-Ter alguma deficiência;

-Ser professor da rede pública;

-Estar enquadrado no perfil de renda exigido pelo programa.

Prouni 2018-2 terá inscrições de vagas remanescentes a partir do dia 20

As inscrições referentes às bolsas remanescentes do Programa Universidade Para Todos (ProUni) 2018/2 serão realizadas a partir de 20 de agosto; no site do MEC (http://prouniportal.mec.gov.br/)

Conforme edital do Prouni Vagas Remanescentes 2018-2, os candidatos não matriculados terão até o próximo dia 24 de agosto para o cadastro; enquanto o prazo para os matriculados terminará no dia 28 de setembro de 2018.

Critérios referentes às vagas remanescentes do Prouni

De acordo com o Ministério da Educação (MEC), as bolsas remanescentes são destinadas:

-Para os professores de rede pública em exercício da profissão;

-Para candidatos que tenham feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), a partir de 2010, com média de 450 pontos e nota superior a zero na redação.

Bolsas Integrais e Parciais

Conforme edital, as bolsas integrais são destinadas aos candidatos com renda familiar mensal de até 1,5 salário mínimo por pessoa. As parciais são para quem tem renda familiar de até 3 salários mínimos.

Os professores da rede pública não precisarão comprovar renda para as bolsas de licenciatura.

Cursos mais procurados no Prouni

Veja a média das notas de corte para o Prouni

Bolsas oferecidas ProUni 2018/2

O ProUni 2018/2 ofereceu 174.289 bolsas; sendo 68.884 integrais e 105.405 parciais; distribuídas em 1.460 instituições de ensino superior.

Reserva de vagas para Cotistas

Parte das bolsas do ProUni foi destinada aos cotistas autodeclarados pretos, pardos ou indígenas, independente da renda.

Critérios de Desempate Prouni

Conforme edital do Prouni, os critérios para desempate são:

I – maior nota na prova de redação do Enem;

II – maior nota na prova de Linguagens, Códigos e Suas Tecnologias;

III – maior nota na prova de Matemática e suas Tecnologias;

IV – maior nota na prova de Ciências da Natureza e suas Tecnologias;

V – maior nota na prova de Ciências Humanas e suas Tecnologias.

Prouni 2018-2: Inscrições abertas

As inscrições para as 174 mil bolsas referentes ao Programa Universidade para Todos (Prouni) do 2º semestre de 2018 já estão abertas aos candidatos interessados.

Os candidatos deverão se inscrever pelo site do programa (http://siteprouni.mec.gov.br/) até o dia 29 de junho.

Veja os cursos mais procurados em outras edições do Prouni

Veja média de notas de corte Prouni

Acesse as notas de diversos cursos Prouni 2018-1

Bolsas oferecidas Prouni 2018-2

De acordo com o Ministério da Educação (MEC), neste segundo semestre serão oferecidas 174.289 bolsas de estudo totais e parciais para o ensino superior. O candidato pode consultar as bolsas, pelo site do Prouni; filtrando pelo nome do curso, instituição ou município.

Para concorrer às bolsas, o candidato deve informar o número de inscrição no Enem 2017 e a senha mais atual cadastrada no exame.

Para quem esqueceu as senhas, tem a opção de resgatá-las com o número do CPF. Veja como recuperar a senha do Enem.

Quem pode se inscrever  para o Programa?

Conforme edital, para se inscrever no Prouni é preciso ter participado do Enem de 2017; e ter obtido no mínimo 450 pontos na média das notas do exame, além de não ter zerado na redação.

Além disso, o candidato precisa atender a pelo menos um dos requisitos abaixo:

-Ter cursado o ensino médio completo em escola da rede pública;

-Ter cursado o ensino médio completo em escola privada, mas como bolsista integral;

-Ter cursado o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em escola privada, mas como bolsista integral;

-Ter alguma deficiência;

-Ser professor da rede pública de ensino.

Modalidades de Bolsas

Para concorrer às bolsas integrais, o candidato deve comprovar renda familiar bruta mensal, por pessoa; de até um salário mínimo e meio.

Para as bolsas parciais (50%), a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa.

Critérios para Desempate Prouni 

De acordo com informações do MEC, estão abaixo os critérios para desempate para concessão de bolsas do Prouni:

No caso de notas idênticas na média aritmética do Enem; o desempate entre os candidatos será determinado de acordo com a seguinte ordem de critérios:

I – maior nota na prova de redação;

II – maior nota na prova de Linguagens, Códigos e Suas Tecnologias;

III – maior nota na prova de Matemática e suas Tecnologias;

IV – maior nota na prova de Ciências da Natureza e suas Tecnologias;

V – maior nota na prova de Ciências Humanas e suas Tecnologias.

Calendário Prouni 2018-2

Abaixo o calendário do Prouni, conforme edital:

-2 de julho: lista de candidatos da primeira chamada;

-2 de julho a 10 de julho: comprovação de informações dos alunos da primeira chamada;

-16 de julho: lista de candidatos da segunda chamada;

-16 de julho a 23 de julho: comprovação de informações dos alunos da segunda chamada;

-30 e 31 de julho: prazo para participar da lista de espera;

-2 de agosto: divulgação da lista de espera.

Prouni 2018-2 oferecerá mais de 170.000 bolsas de estudo

O Prouni, Programa Universidade para Todos, edição 2º semestre de 2018, ofertará 174.289 vagas; sendo 68.884 integrais e 105.405 parciais, em 1.460 instituições de ensino superior.

Veja o Calendário do Prouni 2018-2

Acesse as notas de corte Prouni 2018-2

Inscrições

As inscrições deverão ser realizadas apenas pela página do ProUni na internet (https://prouniportal.mec.gov.br/), até as 23 horas e 59 minutos do dia 29 de junho.

Requisitos para participar do Prouni 2018-2

Conforme edital do Prouni, para se candidatar, será necessário:

-Ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2017;

-Ter alcançado no mínimo 450 pontos e ter tido nota superior a zero na redação. Importante lembrar que as notas de outras edições do Enem não valerão para pleitear uma bolsa.

Além disso, só poderão participar alunos brasileiros que não possuem curso superior; e que tenham cursado o ensino médio completo na rede pública ou como bolsista integral na rede privada.

Os alunos que fizeram parte do ensino médio na rede pública e a outra parte na rede privada na condição de bolsista; ou que sejam deficientes físicos ou professores da rede pública também podem solicitar uma bolsa.

Bolsas Integrais e Parciais

Conforme edital do Programa, o candidato que quiser uma bolsa integral deve ter uma renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio. As bolsas parciais de 50% são destinadas aos alunos que têm uma renda familiar per capita de até três salários mínimos. Quem conseguir uma bolsa parcial, e não tiver condições financeiras de arcar com a outra metade do valor da mensalidade, pode utilizar o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

Conforme informações do MEC, na primeira edição do ProUni desse ano, foram ofertadas 242.987 bolsas; sendo 113.863 integrais e 129.124, parciais. Desde que foi criado, em 2004, o ProUni já atendeu 2,5 milhões de estudantes, sendo que 70% com bolsas integrais.

Resultado

Os resultados com a lista dos candidatos pré-selecionados estarão disponíveis na página do ProUni na internet; a partir do dia 2 de julho para a primeira chamada, e 16 de julho para a segunda chamada.

Prouni

O ProUni é um programa do Ministério da Educação que concede bolsas integrais e parciais de 50% em cursos de graduação e sequenciais de formação específica em instituições de ensino superior privadas; que possuem isenção de alguns tributos, por participar do programa federal que atendem milhares de estudantes de baixa renda.

Disponível prazo para adesão das Instituições junto ao Prouni 2018-2

O prazo referente à adesão das Instituições de Ensino junto ao Prouni já está aberto, para o 2º semestre de 2018, conforme edital do Programa.

Adesão das Instituições

O Ministério da Educação lançou o prazo final de 22 de maio, para que as Instituições particulares de ensino possam aderir ao Programa Universidade para todos, Prouni.

Prouni 2018-2 Cronograma

Em breve o Mec divulgará o cronograma relativo ao programa para o segundo semestre de 2018; com as principais datas para os candidatos interessados.

Como fazer a inscrição no Prouni 2018-2?

A inscrição junto ao Prouni inclui até duas opções de instituição, local de oferta, curso, turno e tipo de bolsa pretendida.

Para efetuar a inscrição no Prouni do segundo semestre de 2018; o candidato deverá informar o número de inscrição no Enem 2017 e a senha mais atual cadastrada no EnemVeja como recuperar a senha do Enem

Requisitos para inscrição no Prouni 2018-2

Conforme edital, para participar do programa , é necessário ter tirado no mínimo 450 pontos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2017) e não ter zerado a redação. Só podem integrar o programa, aqueles estudantes que se encaixarem em pelo menos uma das seguintes situações:

-Ter cursado o ensino médio completo em escola da rede pública;
-Ter cursado o ensino médio completo em escola privada, mas como bolsista integral;
-Ter cursado o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em escola privada, mas como bolsista integral;
-Ter alguma deficiência;
-Ser professor da rede pública de ensino.

Tipos de bolsa Prouni 2018-2

De acordo com informações do MEC:

-As bolsas integrais se destinam aos candidatos cuja renda familiar bruta mensal per capita não exceda 1,5 salário mínimo.

-As parciais, de 50% da mensalidade, são voltadas aos estudantes com renda familiar bruta mensal per capita inferior a três salários mínimos.

Notas de Corte Prouni

As notas de corte serão atualizadas diariamente pelo Sistema do Prouni para que o candidato analise suas chances.

Veja a média de notas de corte de outras edições do Prouni

Veja os cursos mais procurados no Prouni de outras edições

Prouni 2018: Inscrições a partir de 6 de fevereiro

Prouni 2018: Inscrições a partir de 6 de fevereiro para os estudantes interessados em participar da seleção para as bolsas do Programa Universidade para Todos (ProUni) oferecidas no primeiro semestre de 2018.

Prouni 2018: Inscrições

O prazo para as inscrições será do dia 6 de fevereiro até às 23h e 59 minutos do dia 9 de fevereiro para se inscreverem. A candidatura deverá ser feita via internet no site do endereço eletrônico siteprouni.mec.gov.br.

Requisitos Prouni 2018

Poderão concorrer:

-Brasileiros não portadores de diploma de curso superior e que tenham participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2017 e não tenham zerado a prova.

-Quem tiver cursado o ensino médio completo em escola pública ou em instituição privada como bolsista integral;

-Quem possuir alguma deficiência;

-Quem for professor da rede pública.

Prouni

É um programa do Ministério da Educação que oferece bolsas de estudo integrais e parciais (50%) em instituições privadas de educação superior, em cursos de graduação e cursos sequenciais de formação específica.

Bolsas Prouni

Na segunda edição do ProUni 2017 foram ofertadas 147.492 bolsas, sendo 67.603 delas integrais e 79.889 parciais, todas distribuídas em 1.076 instituições de ensino superior privadas pelo Brasil.

Bolsas Integrais e Parciais

As bolsas integrais se destinam aos candidatos cuja renda familiar bruta mensal per capita não exceda R$ 1,5 salário mínimo.

As parciais são voltadas aos estudantes com renda familiar bruta mensal per capita inferior a três salários mínimos. Poderão ser postuladas até duas opções de instituição, local de oferta, curso, turno e tipo de bolsa pretendida.

Cronograma Prouni 2018

O processo seletivo é composto de duas chamadas sucessivas e a previsão é de que o resultado com a lista dos candidatos pré-selecionados na primeira chamada seja divulgado no dia 14 de fevereiro.

Segunda Chamada Prouni

A segunda chamada está prevista para ser divulgada no dia 2 de março de 2018.

Lista de Espera Prouni

Para participar da lista de espera, o candidato que não foi pré-selecionado deverá manifestar seu interesse por meio da página do Prouni na internet entre os dias 16 e 19 de março.

Acesse o edital aqui.

Prouni 2018: Inscrições

Os estudantes interessados em participar da seleção para as bolsas do Programa Universidade para Todos (ProUni) oferecidas no primeiro semestre de 2018 terão do dia 6 às 23h e 59 minutos do dia 9 de fevereiro para se inscreverem. A candidatura deverá ser feita via internet no site do endereço eletrônico siteprouni.mec.gov.br.

Acesse o Edital do ProUni 2018.

Modalidades de Bolsas Prouni

  • Bolsa integral: para estudantes que possuam renda familiar, por pessoa, de até um salário mínimo e meio.
  • Bolsa parcial de 50%: para estudantes que possuam renda familiar, por pessoa, de até três salários mínimos.
Inscrições ProUni 2018
Inscrições ProUni 2018

Requisitos para inscrições Prouni 2018

De acordo com edital do programa, estão abaixo os requisitos para realização da inscrição junto ao Prouni:

-Ter cursado o ensino médio completo em escola da rede pública;ou

-Ter cursado o ensino médio completo em instituição privada, na condição de bolsista integral da respectiva instituição;

-Ter cursado todo o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em instituição privada, na condição de bolsista integral na instituição privada;

-Ser pessoa com deficiência;

-Ser professor da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica e integrando o quadro de pessoal permanente de instituição pública e concorrer a bolsas exclusivamente nos cursos de licenciatura, normal superior ou pedagogia. Nesses casos a renda não é considerada.

-Ter nota mínima de 450 pontos no Enem.

Critérios para Desempate Prouni

Conforme informações do MEC, estão abaixo os critério para desempate para concessão de bolsas do Prouni:

No caso de notas idênticas na média aritmética do Enem; o desempate entre os candidatos será determinado de acordo com a seguinte ordem de critérios:

I – maior nota na prova de redação;

II – maior nota na prova de Linguagens, Códigos e Suas Tecnologias;

III – maior nota na prova de Matemática e suas Tecnologias;

IV – maior nota na prova de Ciências da Natureza e suas Tecnologias;

V – maior nota na prova de Ciências Humanas e suas Tecnologias.

Reservas de Vagas Prouni

O programa possui reserva de bolsas para pessoas com deficiência e aos autodeclarados indígenas, pardos ou pretos. O percentual de bolsas destinadas aos cotistas é igual àquele de cidadãos pretos, pardos e indígenas, em cada Estado, segundo o último censo do IBGE. O candidato cotista também deve se enquadrar nos demais critérios de seleção do Prouni.

Outros programas do governo federal que utilizam as notas do Enem

Sisu edição 2018

A nota do Enem possibilita, por exemplo, o acesso às mais de 60 instituições públicas de ensino superior no país, por meio do Sisu; que é um sistema gerenciado pelo MEC; no qual instituições públicas de ensino superior oferecem vagas para candidatos participantes do Enem; que será classificado de acordo com a melhor nota obtida nas provas. As inscrições do Sisu serão liberadas assim que o resultado do Enem for publicado e serão realizadas pelo site do Ministério da Educação, ícone Sisu. As Instituições assinarão o termo de adesão e divulgarão as vagas que serão destinadas para o Sistema de Seleção Unificada.

Ciência sem Fronteira

De acordo com o MEC, para conseguir uma bolsa no exterior pelo programa Ciência Sem Fronteiras; o estudante deverá estar matriculado em curso de nível superior nas áreas e temas contemplados pelo programa; além de obtido nota no Enem igual ou superior a 600 pontos, entre outros critérios.

Fies 2018

Outra opção das notas do Enem é que o estudante que quer ingressar no ensino superior é o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Para participar, é preciso que os estudantes que concluíram o ensino médio; a partir do ano letivo de 2010, tenham feito o Enem daquele ano ou posterior; e que não tenham zerado na prova de redação. Mas professores da rede pública de ensino estão isentos da exigência do exame. O Fies 2018 terá várias alterações e possibilitará três modalidades a partir do próximo ano.

Modalidades Fies 2018

O Novo Fies gerará 310 mil vagas e será composto por três modalidades, de acordo com o MEC.

-Na primeira, serão oferecidas 100 mil vagas a juro real zero para estudantes com renda familiar per capita mensal de até três salários mínimos. Os recursos deste financiamento serão provenientes da União.

-As modalidades dois e três estão destinadas a estudantes com renda per capita mensal de até cinco salários mínimos. Elas terão como fonte de financiamento recursos de fundos constitucionais; no caso da modalidade dois, e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), na modalidade três.

Pronatec

O candidato que optar pelo ensino técnico, a opção será o Pronatec. Para se inscrever nas diversas opções de cursos técnicos oferecidos, é preciso se cadastrar no Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec). A oportunidade é direcionada para quem já concluiu o ensino médio e realizou o Enem, a partir de 2010, e obteve nota acima de zero na prova de redação.

Informações Sisu

Notas de corte por área de conhecimento;

-Consulte a concorrência Sisu edição 2017;

Acesse as notas de corte Medicina Sisu 2017-1

Consulte as notas de corte Medicina Sisu 2017-2

 

Inscrições ProUni 2017

Inscrições ProUni 2017: As inscrições no processo seletivo para bolsas de estudo na primeira edição de 2017 do Programa Universidade para Todos (Prouni) serão abertas em janeiro de 2017. O prazo ainda não foi divulgado pelo Ministério da Educação (MEC), mas normalmente ocorre na segunda quinzena de janeiro. A consulta das bolsas e as inscrições devem ser feitas pelo site http://siteprouni.mec.gov.br/.

Vagas no ProUni 2016

Na primeira edição do ProUni 2016 foram ofertadas 203.602 bolsas, segundo dados do Ministério da Educação (MEC). O total de vagas sofreu uma queda de 4%: em 2015 foram colocadas 213.113 bolsas no sistema. Já número de cursos subiu de 30.549 para 30.931.

ProUni

O Prouni oferece bolsas parciais ou integrais em universidades privadas para estudantes de baixa renda. Elas são bancadas pelo governo por meio de renúncia fiscal de tributos que deveriam ser pagos pelas universidades.

Inscrições ProUni 2017
Inscrições ProUni 2017

Cronograma e inscrições ProUni 2017

O resultado da seleção do Prouni será divulgado no final do mês de janeiro, e a expectativa é de que na semana seguinte os candidatos já façam a comprovação dos documentos, referente aos aprovados em primeira chamada.

A segunda chamada é divulgada normalmente quinze dias depois da primeira, e cerca de três semanas após divulgação da primeira chamada os candidatos podem participar da lista de espera.

Para se inscrever é necessário ter participado do Enem 2016 e ter obtido no mínimo 450 pontos na média das notas do exame. É preciso, ainda, ter obtido nota na redação que não seja zero.

Condições de participação no Prouni

Podem participar estudantes egressos do ensino médio da rede pública; estudantes egressos da rede particular, na condição de bolsistas integrais da própria escola; estudantes com deficiência e professores da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica, integrantes de quadro de pessoal permanente de instituição pública. Neste último caso, não é necessário comprovar renda.

Para concorrer às bolsas integrais, o candidato deve comprovar renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até um salário mínimo e meio. Para as bolsas parciais (50%), a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa.

Entenda: Sisu x Prouni x Fies

As três siglas representam iniciativas do governo federal na gestão do ensino superior. O Sisu é a sigla para Sistema de Seleção Unificada. Através do Sisu, instituições públicas – sem cobrança de mensalidade – selecionam alunos tendo como critério a nota do candidato no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).

O Prouni concede bolsas de estudos integrais ou parciais em universidades privadas. O foco são estudantes que saíram de escolas públicas e têm baixa renda.

Já Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) oferece contratos de financiamentos. Para se inscrever, no Fies é precisto ter feito o Enem a partir de 2010, com nota final de pelo menos 450 pontos, e ter renda familiar mensal bruta per capita de até 2,5 salários mínimos.