Educação

Estude Rachel de Queiroz

21 de dezembro de 2018
3.3 (65%) 4 votes

Rachel de Queiroz foi a primeira mulher a entrar na Academia Brasileira de Letras, mesmo vivendo em anos que o preconceito era grande, por volta dos anos 30, ela conseguiu se destacar na literatura brasileira. Desde muito cedo, foi assunto no universo literário brasileiro, escrevendo poemas românticos incríveis!

Vale a pena estudar a Biografia de Rachel de Queiroz, uma das maiores brasileiras de todos os tempos, deixou grandes obras para a literatura. Sendo premiada com o Prêmio Camões, concedido apenas a quem acrescenta coisas boas a língua portuguesa.

Poema Telha de vidro, de Rachel Queiroz

Quando a moça da cidade chegou
veio morar na fazenda,
na casa velha…
Tão velha!
Quem fez aquela casa foi o bisavô…
Deram-lhe para dormir a camarinha,
uma alcova sem luzes, tão escura!
mergulhada na tristura
de sua treva e de sua única portinha…

A moça não disse nada,
mas mandou buscar na cidade
uma telha de vidro…
Queria que ficasse iluminada
sua camarinha sem claridade…

Agora,
o quarto onde ela mora
é o quarto mais alegre da fazenda,
tão claro que, ao meio dia, aparece uma
renda de arabesco de sol nos ladrilhos
vermelhos,
que – coitados – tão velhos
só hoje é que conhecem a luz doa dia…
A luz branca e fria
também se mete às vezes pelo clarão
da telha milagrosa…
Ou alguma estrela audaciosa
careteia
no espelho onde a moça se penteia.

Que linda camarinha! Era tão feia!
– Você me disse um dia
que sua vida era toda escuridão
cinzenta,
fria,
sem um luar, sem um clarão…
Por que você na experimenta?
A moça foi tão vem sucedida…
Ponha uma telha de vidro em sua vida!

No Comments

Leave a Reply